Bancada do Partido da República decide posição sobre Reforma da Previdência

O deputado federal Edio Lopes (PR/RR) participou nesta manhã (26) de reunião da bancada do Partido da República para tratar sobre a Reforma da Previdência. Na ocasião, ficou decidido que o partido não admite qualquer alteração na previdência dos professores.

“Desde a origem do nosso partido, cujo idealizador e fundador foi o inesquecível Professor Álvaro Vale, o PR tem uma tradição histórica na defesa do ensino, tendo como princípio fundamental, o professor. A minha posição neste debate da previdência será a do partido, no sentido de defender os direitos dos professores”, explicou o parlamentar.

O Partido da República fará uma coletiva hoje, às 15h (Brasília), para anunciar este posicionamento como bandeira principal na Reforma da Previdência.

COLETIVA DE IMPRENSA PR – REFORMA DA PREVIDÊNCIA

Na tarde desta terça-feira (26), o deputado federal Edio Lopes (PR/RR) participou da coletiva de imprensa na liderança do Partido da República, onde o líder deputado federal José Rocha (PR/BA) reafirmou a posição oficial do partido para a Reforma da Previdência.

“Iremos defender como prioridade a bandeira histórica do partido, nos opondo em relação ao tempo de aposentadoria dos professores proposto pela Reforma”, ressaltou o líder, acrescentando que a bancada fará vetos e irá impor condições para apoiar a Reforma da Previdência.

Edio Lopes completa que o partido não concorda com o aumento da idade para os professores, especialmente para as professoras, cuja proposta acresce 10 anos.

Publicado em 26/02/19

Nosso mandato é participativo!